SISTEMA PAIS É IMPLEMENTADO DE FORMA PIONEIRA NO CARIRI

May 19, 2014

 

 Começam as construções de Sistemas PAIS em comunidades rurais do Cariri

 

Uma nova tecnologia social vem sendo implementada no território do Cariri cearense e renovando a maneira de produzir no campo.

 

Executado de forma pioneira pela Associação Cristã de Base através do projeto Jovens Familiares Produzindo no Cariri, com patrocínio do programa Petrobras Desenvolvimento e Cidadania, o Sistema de Produção Agroecológica Integrada Sustentável – PAIS, é uma tecnologia social criada com o intuito de otimizar a produção dos agricultores familiares por meio de uma visão agroecológica e de técnicas simples e baratas que promovem o consórcio entre culturas e a integração de cultivos com a criação de animais.

 

Como consequência, com o aumento do cultivo de hortaliças, o agricultor é instigado a desenvolver diferentes formas de comercialização, promovendo iniciativas no campo da economia solidária, a exemplo das feiras agroecológicas que surgem em todo o Cariri.

 

O Sistema PAIS é constituído de um galinheiro central com canteiros circulares de hortaliças irrigados por um sistema de gotejamento. Há ainda dois locais de pastagens para as aves em sistema rotativo de alimentação. 

 

Funciona assim: Durante uma média de 20 dias, as aves alimentam-se em uma área de pastagem enquanto a outra é irrigada e recuperada com o uso de esterco para o capim crescer. Após esse período, remaneja-se as aves para a área recuperada enquanto a outra descansa.

 

O plantio das hortaliças é feito por um consórcio de culturas valorizando a diversidade e resistência de cada espécie. “Como o agricultor ainda não tem a visão de mercado a gente leva em consideração vários fatores: a avaliação do mercado, a adaptação de culturas de cada região, as escalas de produção, o escoamento da produção”, explica o técnico de campo, Ery Cláudio.

 

Por fim, é agregado ao sistema de irrigação, uma caixa d’água de cinco mil litros alimentada pela fonte de água mais próxima que pode ser uma cisterna de produção, barreiro, açude, poço nascente, etc.

 

A construção do 1° módulo aconteceu dentro da atividade de formação em Sistema PAIS, facilitado pelos técnicos da instituição. O curso reuniu 24 agricultoras e agricultores familiares dos sítios Brejinho, Engenho da Serra e Riacho Fundo. "Eu nem plantei ainda e já tou gostando. Antes eu andava meia légua pra trabalhar, agora o trabalho fica do lado de casa", fala Seu Cícero Bispo.

 

 Dividido em teoria e prática, no primeiro momento os partípipes discutem a cerca de educação ambiental, agroecologia, histórico da agricultura familiar no semiárido.

 

O segundo momento é a construção do Sistema PAIS no qual os agricultores e agricultoras aprendem a construir o galinheiro, construção de canteiros, sistema de irrigação por gotejamento, construção de viveiros e plantio de mudas (plantio direto e plantio para transplante), compostagem e quintal agroecológico.

 

Veja as fotos do primeiro sistema PAIS sendo instalado:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Destaques

Intercâmbio entre instituições proporciona troca de saberes

October 1, 2019

1/10
Please reload

Notícias Recentes

June 7, 2019

Please reload

Arquivos